O LIVRO

 

Guerra da minha rua

Compre seu exemplar: https://editoramultifoco.com.br/loja/product/guerra-da-minha-rua-e-outros-retratos/

Guerra da Minha Rua, coletânea cujo nome revela a natureza de seu conto principal, relata angústias, medos e temores da sociedade moderna e suas contradições mais latentes.

SINOPSE

Imagine-se à mercê do próprio ódio.

Madame Mórra sobrevive num casarão pouco desejado para a época, acariciando memórias e lembranças de sua época dourada: riqueza, fama, desejos e corrupção. Os quadros à parede documentam tal passado que nada condiz com o presente de miséria e solidão. Abusos, trabalho forçado e a destruição de seu potencial legado. Mórra resguarda em si o rancor das memórias feridas – convenhamos: há maior veneno letal do que estas feridas? Mórra, à companhia de seu gato, resguarda sua própria existência, nestes tempos de amargura, numa rua dominada por “gente comum”. E decide vingar-se. Pois bem: a guerra tem início para lavar a alma da ex-diplomata.


TRECHO DO POSFÁCIO

“Madame Mórra é a visão centralizada dos papéis distorcidos que nos são apresentados. Vale mencionar, antes de mais nada, que sua natureza não é a priori genérica, mas pode representar além de meros indivíduos; suas ações não estão centralizadas no ódio aos seus vizinhos, mas ao ódio de classe e, nesse desmérito, somo às exemplificações governos e modos de governo muito semelhantes ao pensamento orgânico de Mórra. Sendo o conto Guerra da Minha Rua o principal texto deste livro, na visão de sua construção menciono também a pura necessidade de desmembrar os feitos de Mórra e de seus memorandos após seu pretensioso fim; discorro a respeito dos três textos que seguem após o término do conto central ‒ são eles pequenos contos qualitativos, ou seja: instituem em sua narração o desejo de argumentar e mostrar ao presente leitor os resultados inconscientes, ou não, dos “feitos” de Mórra.” 


O AUTOR

V15590270_1298299886894924_2830891641313182550_nicthor Fabiano é natural de São Paulo (11 de abril de 1997), autor de dois romances publicados: O Lavrador e o Plebeu (2012 – Editora Multifoco), que já está na terceira edição e O Epitáfio (2013 – Editora Penalux). Estudante de Ciências Sociais. 

Contatos

Instagram: @victhorfabiano

Facebook: /VicthorFabiano